Alzheimer e Parkinson são doenças sérias que afetam muitas pessoas, mas saiba que elas podem ser evitadas se você treinar o seu cérebro.

Há várias formas de forçar o cérebro a ter um melhor funcionamento, tais como ler muito, estudar, fazer palavras cruzadas e até mesmo aprender um segundo idioma. Há vários idiomas que você pode escolher para o seu aprendizado, portanto, fique a vontade para fazer a sua opção de acordo com o seu gosto e necessidade.

Você pode aprender o inglês, o espanhol, o francês, o alemão, e até o português se você for um estrangeiro. Procure os bons professores de português e terá portas abertas em seu conhecimento. Você pode ter aulas presenciais ou online, através de plataformas especiais ou até mesmo pelo Skype, enfim, não há mais desculpas para adiar o seu aprendizado.

Certamente você não quer envelhecer e ter uma cabeça ruim e esquecida e com doenças como demência, entre outras mais sérias. Você poderá chegar aos 90 anos e com uma memória boa ainda, então, tudo depende de você. Faça atividades físicas e mantenha a sua mente ocupada o tempo todo, procure ler muito e sempre aprender coisas novas.

Independente da sua profissão, exercitar a mente é primordial para a melhoria do seu cérebro e saúde em geral. O importante é se sentir jovem, mesmo na terceira idade. Sua mente comanda o seu corpo, portanto, fique sempre ativo e terá uma velhice feliz.

Dicas para envelhecer com qualidade através do aprendizado de idiomas

Pense bem: você trabalhou por muitos anos com determinação e vontade, criou família, teve filhos e os netos chegaram, enfim, está na hora de aposentar e descansar com qualidade de vida. Uma dica importante é viajar e conhecer lugares incríveis como a Europa, o Canadá ou Austrália, por exemplo. Fica a pergunta: quais idiomas você fala além do português? O inglês é essencial para sua comunicação na Europa, por exemplo, onde a grande maioria das pessoas têm o domínio da língua inglesa.

Aprenda dois ou três idiomas e terá muito mais proveito das suas férias. Você poderá chegar na Alemanha por exemplo, e falar no idioma deles, sem necessidade de usar o inglês o tempo todo. Se você gosta de italiano, aprenda esta bonita língua em sua próxima viagem a Roma. O importante é exercitar o seu cérebro e ter todos os benefícios possíveis em seu entretenimento. Vale a pena investir tempo e dinheiro em conhecimento e a internet é muito rica em sites educacionais que poderão te ajudar muito a aumentar o vocabulário, melhorar o seu listening, bem como melhorar a sua comunicação como um todo.

Ouça músicas e preste atenção nas letras, bem como assista a ótimos filmes legendados em outro idioma, e aprenderá muito mais rapidamente. Anote todas as palavras novas que forem surgindo em seu caderno ou no notebook. Crie frases e fale com o seu professor e peça que ele corrija para você. É muito importante manter contato com o idioma todos os dias para que este fique em sua mente e facilite o aprendizado e melhore sua qualidade de vida.

Artigo enviado por Sophia Parente do site Preply – artigo patrocinado.

Perfil mantido pela equipe editorial do CONIPSI.
“Imprensa é oposição. O resto é armazém de secos e molhados.”
Millôr Fernandes

Receba Por E-mail

Inscreva-se em nossa lista de e-mails para receber atualizações e as notícias mais recentes do Conselho!

Inscrito Com Sucesso, Parabéns!